Responsive Ad Slot

Polícia prende acusado de matar cigano: “Eu já estou morto”

Publicado 25/04/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Divulgação / Polícia Civil
O comerciante Jailton Carvalho dos Santos foi preso nesta segunda-feira (24). Ele é acusado de ter matado o cigano Jair Ferraz de Almeida e foi condenado a 14 anos de prisão por conta do assassinato, mas em novembro de 2016 fugiu da Penitenciária Lemos Brito.

A prisão de Jailton foi efetuada com o apoio de investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) e do setor de inteligência da Polícia Militar, que ficaram de campana para prender alguns suspeitos de envolvimento no roubo de carros.

De acordo com a polícia, Jailton matou o cigano para não pagar uma dívida que tinha com a vítima, mas isso desencadeou uma série de outros homicídios na família de Jaílton, como a execução dos irmãos gêmeos Cézar Silvio e Silvio Cézar Carvalho Santos, em agosto de 2016.

A jornalistas, ao ser apresentado, Jailton disse que matou Jair para se defender e afirmou que está jurado de morte, mesmo na cadeia. “Eu já estou morto, aqui é só a matéria, eu já estou morto”, disse.

Do VN
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas