Responsive Ad Slot

Vítima de golpe, estudante é inocentado após ser preso no Detran de Salvador

Publicado 28/04/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Foto: Polícia Civil
Todo cuidado é pouco na hora de comprar um veículo usado. O estudante de Administração, Luiz Alberto Ramos, foi detido no Detran em Salvador após ser vítima de um golpe, ao comprar um veículo seminovo em Feira de Santana. Ele foi liberado após provar sua inocência, e esteve na cidade para prestar depoimento à delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Feira, onde os acusados de vender o veículo compareceram após serem intimados.

Luiz Contou que comprou o carro com corretores de veículos em Feira de Santana e que realizou corretamente todos os trâmites legais, mas ao chegar no Detran em Salvador para realizar a transferência foi abordado por um grupo de policiais que o prenderam afirmando que o carro era roubado. A informação foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública à imprensa estadual. 

O delegado André Ribeiro, titular da DRFR/Feira, informou ao Acorda Cidade que o carro foi roubado em uma cidade no interior de Sergipe, que a queixa foi registrada, mas a delegacia não cadastrou a placa do veículo no sistema nacional. Quando o jovem realizou a consulta do carro através da placa não havia nenhuma restrição de furto e roubo, o que o fez acreditar que o veículo tinha situação legal. 

“Luiz disse que comprou o carro de boa fé e que foi vítima de um golpe. Há um queixa de furto e roubo deste veículo no interior de Sergipe, porém a placa deste veículo não está no sistema nacional de veículos roubados, mas de fato existe a queixa. Ele foi apresentado lá em Salvador e esteve aqui porque ouvimos as duas pessoas que venderam o carro para ele em Feira de Santana. A data da compra e do roubo já denota que houve algo estranho. Ele comprou o carro em um mês e a queixa foi dada um mês depois, então indica-se que ele tenha mesmo comprado o carro de boa fé, e foi vítima de algum golpe. O caso está sendo apurado em Salvador. A polícia vai investigar também se o carro era um dublê”, disse.

O delegado faz um alerta para as pessoas sobre os cuidados de comprar um veículo seminovo principalmente nas mãos de terceiros. É importante averiguar não apenas a procedência do carro, mas também sobre quem está vendendo e quem é a pessoa que consta no documento do carro como proprietária do veículo. Se a compra for feita em lojas de seminovos, verificar o histórico da empresa, e se ela trabalha de forma idônea, procurando referências através de outras pessoas que já realizou uma compra no estabelecimento.

Luiz declarou que ele e a família estão muito abalados e que teve a vida mudada radicalmente. “Fui tratado na delegacia como um ladrão. Tive minha vida destruída por causa de um golpe”, lastimou. A família está tomando as providências cabíveis em relação ao ocorrido.


Com informações do Acorda Cidade / Central de Polícia.

"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas