Responsive Ad Slot

Grupo rouba banco, cerca viatura da PM e faz refém na cidade de Sobradinho

Publicado 29/07/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

(Foto: Reprodução/TV São Francisco)
Um grupo formado por homens armados, invadiu, na madrugada deste sábado (29), a cidade de Sobradinho, no norte da Bahia e assaltou o Banco do Brasil. De acordo com a Polícia Militar, os criminosos estouraram o cofre central da agência e levaram malotes de dinheiro.

A polícia não soube informar a quantia levada e nem a quantidade de homens envolvidos na ação. Os criminosos fizeram vários disparos na cidade e um homem de 42 anos foi atingido de raspão na cabeça.

Ele foi atendido e passa bem.  Conforme informações da Polícia Civil, o banco fica próximo à prefeitura da cidade e, um vigilante que fazia a guarda da sede municipal relatou à polícia, que os assaltantes chegaram em cerca de cinco carros e em motos.  Durante a ação dos assaltantes, a polícia recebeu um chamado e uma viatura com oito policiais foi deslocada, mas, no percurso, carros com os criminosos cercaram e atiraram contra a viatura.

De acordo com a PM, não houve confronto porque os assaltantes fizeram um homem, de 43 anos, de refém. A vítima foi liberada sem ferimentos, mas passou por cuidados médicos pois estava em estado de choque.

Viaturas da Polícia Militar de Juazeiro, cidade a cerca de 40 km de Sobradinho, se deslocaram para fazer o reforço de policiamento no local, mas quando chegaram à cidade alvo dos assaltantes, eles já tinham fugido.

Um veículo foi incendiado pelo bando na BR-210
No caminho da fuga, o grupo queimou dois carros na BR-210, sentido a cidade de Sento Sé, também no norte do estado.  A Polícia Militar disse que a ação foi realizada por uma quadrilha especializada, já que além do forte armamento que possuíam, eles tinham conhecimento do manuseio de dinamite para a explosão de um cofre de banco.
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas