Responsive Ad Slot

Marinha confirma 23 mortes; Secretaria de Saúde aponta quase 90 resgatados

Publicado 24/08/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Foto: TV Aratu
Os números da tragédia com a embarcação Cavalo Marinho I, que virou na Baía de Todos os Santos no início da manhã desta quinta-feira (24/8), continuam a crescer. De acordo com a assessoria da Marinha, já são 23 as vítimas fatais, mas esse número, infelizmente, ainda pode crescer.

Quatro corpos ainda não identificados, dois homens e duas mulheres, foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML). Outros seguiram para o IML de Santo Antônio de Jesus.

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia informou que aproximadamente 88 pessoas foram resgatadas pelas diversas equipes que participam dos trabalhos de resgate. Setenta estão na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Mar Grande; 15 estão no Hospital Municipal de Itaparica; dois estão no Hospital do Subúrbio e um no Hospital Geral do Estado (HGE), ambos em Salvador

Segundo informações da assessoria da Prefeitura Municipal de Vera Cruz, o acidente ocorreu a cerca de 200 metros do terminal marítimo do município. A embarcação tinha capacidade máxima para 162 pessoas, mas no momento do naufrágio, tinha cerca de 130 pessoas.

O governador Rui Costa e o prefeito ACM Neto enviaram nota de pesar à imprensa após a tragédia. Costa decretou luto oficial de três dias em todo o Estado.

Durante essa semana, a travessia Salvador-Mar Grande realizou paradas por conta do período de maré baixa prolongado, já que o terminal de Vera Cruz, que é utilizado pela travessia, fica inoperante.

Na quarta-feira (23/8), por conta dos fortes ventos e mar agitado, a Astramab chegou a suspender a operação das escunas de turismo, o que já tinha ocorrido na terça-feira (22/8).

Do Aratu
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas