Responsive Ad Slot

PF e Receita Federal miram esquema de crimes financeiros em cinco estados

Publicado 15/08/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
A Polícia Federal e a Receita Federal deflagaram nesta terça-feira (15) a Operação Hammer-on, que mira um esquema internacional de lavagem de dinheiro e evasão de divisas. As empresas controladas pela organização criminosa investigada movimentaram mais de R$ 5,7 bilhões de origem ilícita no período de 2012 a 2016. 
Ao todo, são 153 mandados judiciais sendo cumpridos em cinco estados do país. Participam da operação mais de 300 policiais e 45 servidores da Receita Federal. Os mandados foram expedidos pela 13ª Vara Federal de Curitiba, sendo dois de prisão preventiva, 17 de prisão temporária, 53 de condução coercitiva e 82 de busca e apreensão em várias cidades do Paraná, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina.
Além de lavagem de dinheiro e evação de divisas, a ação também investiga os crimes de organização criminosa, gestão temerária, operação irregular de instituição financeira e uso de documento falso.
As investigações tiveram início em 2015 e tiveram como foco um grupo criminoso composto de cinco núcleos interdependentes que utilizavam contas bancárias de várias empresas, em geral fantasmas, para receber grandes valores de pessoas físicas e jurídicas interessadas em adquirir mercadorias, drogas e cigarros provenientes do exterior, especialmente do Paraguai.
Do Metro1
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas