Responsive Ad Slot

Por carta, Reino Unido intima cidadãos europeus a deixarem o país

Publicado 23/08/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Reuters
O governo do Reino Unido enviou nas últimas semanas centenas de cartas intimando cidadãos europeus residentes em território britânico a deixarem o país, com ameaça de deportação. O jornal britânico "The Guardian" divulgou a informação nesta quarta-feira (23) após Eva Johanna Holmberg, uma professora universitária finlandesa, publicar a carta que recebeu nas redes sociais.

O documento pede que os estrangeiros deixem "voluntariamente e imediatamente o Reino Unido ou o ministério do Interior teria disposto sua expulsão”. Quem se recusar a deixar o território britânico, segundo a carta, pode acabar sendo preso, mesmo se tiver um passaporte europeu, que dá direito legal de permanecer no país segundo a Lei de Imigração local.

O ministério do Interior de Londres afirma que todas as pessoas que receberam as cartas são cidadãos europeus. Holmberg, historiadora da Universidade de Helsinki, é casada com um cidadão britânico, vive no Reino Unido há dez anos e trabalha na Queen Mary University de Londres.

A repercussão do caso fez com que a primeira-ministra britânica, Theresa May, pedisse desculpa pelo “erro infeliz” e garantisse novamente que os direitos dos cidadãos europeus não serão afetados pelo Brexit.

A própria primeira-ministra disse durante negociações sobre o Brexit com a União Europeia que os 3,5 milhões de cidadãos europeus que moram no Reino Unido não sofrerão qualquer consequência em seu status jurídico, bem como os visitantes, que não precisam de visto para entrar no país.

Do N ao Minuto
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas