Responsive Ad Slot

Tenente denunciado por filmar mulher em banheiro é liberado após depoimento na BA; PM diz que ele não será afastado

Publicado 18/10/2017

/ Por: redacao@noticiasdealagoinhas.com.br

Reprodução
O tenente da Polícia Militar Robson Santiago dos Santos, que foi encaminhado para 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã) após denúncia de que estaria filmando uma mulher dentro do banheiro feminino de um shopping, foi liberado após assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e irá responder ao processo de investigação em liberdade.

O tenente deixou a unidade policial na noite de terça-feira (17), por volta das 21h30. Ele e outras 10 pessoas foram ouvidas e novos depoimentos de testemunhas devem ser colhidos ainda nesta quarta-feira (18). O teor das declarações prestadas à polícia não foi divulgado. Funcionários da 12ª DT informaram que não foram encontradas no celular do suspeito imagens que comprovem a filmagem.

Entretanto, uma perícia no equipamento foi solicitada para esclarecer a situação que ocorreu no início da tarde de terça-feira, no bairro de Stella Maris. Ao G1, a PM informou que o tenente não será afastado até que as investigações atestem indícios do crime. Robson atua no 12º Batalhão da PM (BPM/Camaçari).Caso

O tenente foi conduzido para a Delegacia de Itapuã, em Salvador, para prestar esclarecimentos, após a denúncia de que ele estaria filmando uma mulher dentro do banheiro feminino de um shopping do bairro de Stella Maris. De acordo com a polícia, a vítima, que é funcionária do estabelecimento, também foi levada para a unidade policial para prestar depoimento.

A situação teria ocorrido por volta das 13h, logo depois que a vítima entrou em uma das cabines do banheiro do shopping. Conforme a polícia, o suspeito estava sem farda e teria usado o celular dele para gravar imagens da vítima por debaixo da porta. Em seguida, o PM teria tentado fugir ao ser flagrado pela vítima, mas foi impedido por populares, que acionaram a polícia.

Câmeras de segurança do estabelecimento comercial mostram o momento em que o suspeito sai apressado do shopping. Testemunhas contaram que a mulher que teria sido filmada correu atrás dele. "A gente viu, na verdade, uma pessoa correndo dentro do shopping e a menina correndo atrás, dizendo que ele tinha filmado ela dentro do sanitário.

Ele tentou usar da condição de policial militar para não ser preso. Alegou que quem estava prendendo ele era de escalão mais baixo e que, por isso, não podia ser levado por eles", disse um homem que preferiu não ser identificado. Outra cliente do shopping, que não quis se identificar, diz que usou o mesmo banheiro e acredita que também foi filmada. "Eu entrei no banheiro rapidinho e tinha uma porta fechada. Foi quando a menina entrou e saiu correndo. Ele passou por mim, correndo. Fico preocupada porquê, com certeza, ele me filmou", destacou.

(G1)
"Siga o Notícias de Alagoinhas no Twitter, curta nossa fanpage no Facebook, e fique atualizado com as principais notícias. Quer anunciar sua empresa? Clique aqui"

© Direitos reservados, Portal Notícias de Alagoinhas