Atacante do Vitória é denunciado pelo STJD por suposta injúria racial durante o Ba-Vi

Foto: Divulgação
O atacante de Vitória, o colombiano Santiago Tréllez, foi denunciado pela Procuradoria da Justiça Desportiva por suposta injúria racial contra Renê Junior, do Bahia, durante partida realizada no Campeonato Brasileiro.

O processo será julgado na próxima sexta (10/11), a partir das 10h, em sessão da Quarta Comissão Disciplinar. Santiago corre risco de receber suspensão e multa. O atacante foi enquadrado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

De acordo com súmula da partida entre Bahia e Vitória, realizada no dia 22 de outubro, Renê Jr, atleta da equipe mandante, afirmou ter sido machado de “macaco” pelo adversário.

“Aos 45 mais 2 do segundo tempo, quando a bola estava fora de jogo, o atleta nº23 Renê dos Santos Júnior da equipe do E.C. Bahia veio em minha direção informando que o atleta nº 22 Santiago Tréllez da equipe do E.C. Vitória o chamou de “macaco”. Cabe ressaltar que o fato não foi presenciado por mim e por nenhum membro da equipe de arbitragem”, escreveu o árbitro.

Após a partida, Tréllez publicou um vídeo em uma rede social onde se desculpa por qualquer ofensa que teria praticado contra sue adversário, mas nega que tenha chamado o atleta do Bahia de “macaco”.

Caso seja condenado, Tréllez pode pegar suspensão de 5 a 10 partidas, além de multa que pode variar entre R$ 100 a R$ 100 mil.
Atacante do Vitória é denunciado pelo STJD por suposta injúria racial durante o Ba-Vi Atacante do Vitória é denunciado pelo STJD por suposta injúria racial durante o Ba-Vi Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on novembro 07, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.