'Muitas vezes as decisões do STF são antipáticas', admite Alexandre de Moraes

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, disse em entrevista à Folha de S. Paulo divulgada neste domingo (29) que juízes não devem pensar em fazer populismo ao tomarem suas decisões.

Ele admitiu que muitas decisões do STF podem não agradar e que a Corte não deve se envolver em matérias "eminentemente políticas", a exemplo da cláusula de desempenho. "A imprensa quer, o povo quer e o Legislativo pede que o Supremo decida tudo. Mas isso é perigoso.

Qualquer juiz que vota pensando em popularidade é um perigo. Muitas vezes as decisões são antipáticas. E essa é a função do STF. Por isso é o único Poder não eleito e vitalício. Não tem que fazer populismo. Se quer fazer, não seja juiz, procurador, promotor: seja político", afirmou Moraes, que está há apenas sete meses no STF.

Na entrevista à Folha de S. Paulo, ele defendeu ainda que as delações premiadas só devem deixar de ser sigilosas quando houver recebimento de denúncia. "Delator é bandido, criminoso que foi pego e não quer sofrer os rigores da lei. Se o delator mente e o Ministério Público pede o arquivamento? Você acabou com a vida do delatado", argumentou Moraes.

Do BN
'Muitas vezes as decisões do STF são antipáticas', admite Alexandre de Moraes 'Muitas vezes as decisões do STF são antipáticas', admite Alexandre de Moraes Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on outubro 29, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.