Integrante do “Baralho do Crime” se passava por empresário em Alagoas

 Foto: divulgação/ Polícia Civil
João Cleison Mota Carvalho, ex-integrante do “Baralho do Crime”, movimentava R$ 1 milhão por mês. A informação foi dada pela Polícia Civil durante a apresentação do suspeito, na manhã desta segunda-feira (5/3). “Didi”, como também é conhecido, tinha oito mandados de prisão por crimes como homicídio, tráfico de drogas e roubo.

João foi preso em Alagoas, no sábado (3/2), durante ação conjunta das polícias baiana e alagoana. “Ele vinha residindo em Alagoas, onde se passava por empresário, comprando e vendendo imóveis, terrenos e carros de luxo para lavar o dinheiro do tráfico”, explicou o diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), Flávio Góes.

As investigações coordenadas pelo delegado Jorge Figueiredo, do Depin, apontaram que o acusado chegava a movimentar cerca de R$ 1 milhão por mês. “Didi” estava foragido do Complexo Penitenciário da Mata Escura desde 2017. Na oportunidade, ele estava preso por roubo há quatro anos.

Do Aratu
Integrante do “Baralho do Crime” se passava por empresário em Alagoas Integrante do “Baralho do Crime” se passava por empresário em Alagoas Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on março 05, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.