PM baleado durante assalto na fila de pedágio não resiste e morre na UTI de hospital

Foto: Reprodução
O policial militar baleado na noite da última quarta-feira (28/3), durante a ação de criminosos, que assaltavam na fila da Praça de Pedágio de Simões Filho, não resistiu aos ferimentos sofridos e acabou morrendo neste sábado (31/3). O soldado Cristiano Ramos Pinto, lotado no 12° Batalhão da PM, em Camaçari, estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital da Bahia. Segundo a SSP-BA, ele teve morte cerebral.

No momento da ação dos bandidos, a vítima estava indo para casa junto com outros dois colegas, quando presenciou o assalto. O trio aguardava na fila do pedágio quando um grupo de criminosos passou a saquear as cabines de cobrança e os motoristas. Ao se aproximar dos policiais, os criminosos efetuaram disparos de arma de fogo.

Em nota, a PM lamentou a morte do militar. Confira na íntegra:

É com profundo pesar que a Polícia Militar da Bahia informa o falecimento do soldado Cristiano Ramos Pinto, 36 anos, na noite deste sábado (31), após ter sido vítima de disparos de arma de fogo durante um assalto ao pedágio de Simões Filho.

O policial militar estava internado em estado grave desde a última sexta-feira (30) no Hospital da Bahia, em Salvador, mas não resistiu aos ferimentos.

O soldado Cristiano era lotado no 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e integrava o quadro funcional da PM há mais de seis anos. Ele deixa esposa e uma filha de 3 anos. Até o momento não há informações sobre o horário e o local de sepultamento, que será em Feira de Santana.

Aratu
PM baleado durante assalto na fila de pedágio não resiste e morre na UTI de hospital PM baleado durante assalto na fila de pedágio não resiste e morre na UTI de hospital Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on abril 01, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.