Acusado de estuprar mulheres, homem diz que cometia crimes na Ufba por ser 'mais seguro'

Foto: Reprodução
O delegado do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), Delmar Bittencourt, em coletiva nesta sexta-feira (27), no auditório da Polícia Civil, na Piedade, contou que o auxiliar de cozinha acusado de sequestrar e estuprar três mulheres, entre os dias 17 de maio e 20 de julho, em diferentes campi da Universidade Federal da Bahia (Ufba), escolheu o local porque "se sentia mais seguro para cometer o crime". O suspeito confessou os crimes (leia mais aqui).

“Ele fala que a escolha da Ufba é porque na rua ele teria mais chance de ser pego. A escolha da vítima segundo o autor era realizada de forma aleatória. Aquela que estivesse mais vulnerável, sem se preocupar e distraída, ele abordava”, contou.

Ainda de acordo com o acusado, ele iniciou a série de roubos porque estava sendo ameaçado por um agiota. Ele teria pego cerca de R$ 3 mil para ajudar com a dívida do irmão, que estaria preso, e já teria repassado R$ 4 mil para o homem que emprestou o dinheiro. “Ele não sabe informar o que o levou a praticar esse ato, sendo que só precisava do dinheiro. De uma das vítimas ele pegou em torno de R$ 120. Da segunda vítima pegou R$ 900. Da terceira, foram R$ 1.900”, contou o titular do DCCP.



Uma parte do valor roubado era retirada dos cartões com pagamentos em um posto de combustíveis. Os frentistas que ajudavam no crime ganhavam uma parte e repassavam o resto para o suspeito. De acordo com a polícia, ao menos três frentistas já foram demitidos, mas o delegado ainda vai avaliar se eles serão indiciados.



O acusado ia de ônibus do Rio Sena até a Universidade, por volta das 17h30, por isso os crimes aconteciam por volta de 19h. Ele abusava das vítimas em um bairro próximo a Ondina, retirava seus pertences e seguia pela BR-324, onde ficavam os postos de combustíveis.



O acusado está preso preventivamente apenas pelo primeiro crime, e pode pegar de 4 a 10 anos de detenção por cada carro roubado, além de 6 a 10 anos por cada estupro. Ele ainda deve responder por restrição de liberdade e estupro.

Fonte: Bahia Notícias
Acusado de estuprar mulheres, homem diz que cometia crimes na Ufba por ser 'mais seguro' Acusado de estuprar mulheres, homem diz que cometia crimes na Ufba por ser 'mais seguro' Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on julho 27, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.