Disputa de guarda de criança causa conflito diplomático entre Brasil e Estados Unidos

Foto : Reprodução / Redes sociais
Marcelle Guimarães deixou os Estados Unidos com seu filho, em junho de 2013. Ela e o ex-marido americano Christopher Brann, desde então, disputam a guarda da criança, que hoje tem nove anos. O embate pode se transformar em razão de conflito diplomático.

A situação se agravou ainda mais em fevereiro deste ano, quando os pais de Marcella foram presos no Aeroporto de Miami, sob acusação de cumplicidade no sequestro internacional do menino, Nicolas Brann. Eles foram condenados pela Justiça de Houston, no Texas, e esperam definição da pena.

Marcelle é natural de Salvador, mas foi para Houston com o propósito de fazer mestrado e se casou em 2008 com seu ex-marido, médico clínico geral. A brasileira afirma que Brann desmonstrava comportamento sexual compulsivo, atestado por terapeutas, e abusava física e psicologicamente dela.

Após o divórcio, a Justiça americana concedeu guarda compartilhada. Em junho de 2013, Marcelle estabeleceu acordo com Christopher para viajar para Salvador com o filho, mas a brasileira não voltou aos Estados Unidos e foi acusada pela Promotoria do país de sequestro internacional de menor.

No Brasil, ela pediu a guarda exclusiva de Nicolas ao Tribunal de Justiça da Bahia, em Salvador, e o requerimento foi concedido em julho de 2013. Brann pediu, então, denunciou Marcelle por sequestro internacional.

O caso foi julgado em duas instâncias e, apesar da Convenção de Haia determinar o retorno da criança ao país de origem em casos como esse, o Judiciário brasileiro considerou que existia risco em deixar o menor com o pai. Os advogados de Brann estão recorrendo.

Do Metro1
Disputa de guarda de criança causa conflito diplomático entre Brasil e Estados Unidos Disputa de guarda de criança causa conflito diplomático entre Brasil e Estados Unidos Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on setembro 22, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.