Gloria Perez relembra 26 anos da morte da filha e lamenta: 'Impunidade'

© Reprodução
A morte da atriz Daniella Perez completa 26 anos nesta sexta-feira (28). A mãe dela e escritora Gloria Perez lembrou a data em um post emotivo no Instagram: "Quando mais o tempo passa, mais dói esse dia! Fica a impunidade dos assassinos".

“Fica a primeira emenda popular da História do Brasil, a lei que introduziu o homicídio qualificado entre os crimes hediondos, através da campanha que, passando de mão em mão, reuniu três meses apenas, numa época sem internet e sem apoio de nenhum grande órgão da imprensa, o número de assinaturas exigidas pela constituição pra fazer passar uma lei proposta pelo povo”, escreveu Gloria.

“A aprovação pelo Senado correu riscos, com senadores bem conhecidos se esgueirando para evitar que desse quórum. Interveio o presidente da casa, Humberto Lucena, que, diante da ameaça, lançou mão do recurso de urgência urgentíssima e fez passar o projeto”, completou.




Uma publicação compartilhada por Gloria Perez (@gloriafperez) em
Daniella Perez foi morta a tesouradas, em 28 de dezembro de 1992, aos 22 anos. O ator Guilherme de Pádua, que vivia o par romântico com a vítima na novela 'De Corpo e Alma', foi condenado a 19 anos de prisão, mas cumpriu seis e saiu da cadeia em 1999. Paula Nogueira Thomaz, que era casada com Pádua, pegou 18 anos, mas também foi liberada antes de 2000, relembra o 'Metrópoles'.



Do N ao Minuto
Gloria Perez relembra 26 anos da morte da filha e lamenta: 'Impunidade' Gloria Perez relembra 26 anos da morte da filha e lamenta: 'Impunidade' Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on dezembro 28, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.