Não há brasileiros entre as vítimas de tsunami, diz Itamaraty

© REUTERS/Antara Foto Agency
Um tsunami que pode ter sido causado pela erupção de um vulcão conhecido como o "filho" do lendário Krakatoa deixou mortos e feridos na Indonésia na manhã deste domingo (horário local, noite de sábado em Brasília). Segundo o último balanço, da manhã deste domingo (23), ao menos 222 pessoas morreram, 28 estão desaparecidas e 843 ficaram feridas na região do estreito de Sunda, entre Java e Sumatra.

Entre as vítimas estão três integrantes da banda indonésia Seventeen. O grupo se apresentava na praia, no Tanjung Lesung Beach Resort, no extremo oeste da ilha de Java, quando a massa de água atingiu com força o palco e arrastou a estrutura contra o público. Além de membros da banda, espectadores também morreram.

Dezenas de edifícios ficaram destruídos pela onda gigante, que atingiu as praias do sul de Sumatra e do extremo oeste de Java por volta das 21h30 locais de sábado (12h30 de Brasília), informou, em um comunicado, o porta-voz da agência de gestão de desastres do país, Sutopo Purwo Nugroho.

Inicialmente, o governo havia falado em 20 mortos e 165 feridos. E o número de feridos chegava a 584.

O Itamaraty informou que, até o início da tarde deste domingo (23), não há notícias de brasileiros entre as vítimas.

Em comunicado no qual lamenta as mortes, o ministério indica os telefones do plantão de emergência da Embaixada em Jacarta (+62 811 800 662) e do Núcleo de Assistência a Brasileiros do Itamaraty (+55 61 2030-8803/8804, das 8h às 20h, e + 55 61 98197-2284, do plantão, entre 20h e 8h) para aqueles que necessitarem de auxílio para contatar parentes no local.

Autoridades indonésias informaram que o tsunami pode ter sido causado por uma elevação anormal da maré, provocada por um deslizamento de terra submarino que se seguiu à erupção de Anak Krakatoa.

A agência geológica da Indonésia continua investigando as causas, afirmou Nugroho.

Endan Permana, diretor da Agência de Mitigação de Desastres Nacionais na região de Pandeglang, disse a um canal de TV que a polícia estava prestando assistência imediata às vítimas e que algumas áreas atingidas são populares entre turistas. "Muitas pessoas estão desaparecidas", disse.

Anak Krakatoa é uma pequena ilha vulcânica que emergiu do oceano meio século depois da erupção mortal do Krakatoa, em 1883.

A Indonésia, um dos países mais propensos a desastres da Terra, se situa no chamado 'Anel de Fogo' do Pacífico, onde placas tectônicas se encontram e uma grande parte das erupções vulcânicas e dos terremotos do mundo ocorrem.

Frequentemente registram-se no país terremotos mortais, inclusive um recente na cidade de Palu, na ilha de Sulawesi, onde um sismo seguido de tsunami matou quase 2.000 pessoas.

O Anak Krakatoa é um dos 127 vulcões ativos registrados no arquipélago.

Do N ao Minuto
Não há brasileiros entre as vítimas de tsunami, diz Itamaraty Não há brasileiros entre as vítimas de tsunami, diz Itamaraty Reviewed by Portal Notícias de Alagoinhas on dezembro 23, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.