Vitória só empata com Jacuipense no Barradão

Foto: EC Vitória
A quinta-feira (31), à noite, no Barradão, foi de estádio quase vazio para assistir o jogo Vitória e Jacuipense, pela 3ª rodada do Campeonato Baiano. Apenas 2.775 pagantes compareceram. O técnico Rubro-negro, Marcelo Chamusca, preferiu mandar a campo um time alternativo, poupando os titulares para o BA-VI de domingo (03), pela Copa do Nordeste.

Assim que o árbitro da partida, Reinaldo Silva de Santana, autorizou o início da partida, o Vitória partiu pra cima da Jacuipense, mas foi o Leão Grená que abriu o placar no Barradão. Logo aos cinco minutos, contra-ataque da Jacuipense, a bola foi cruzada na área e Marcelo Nicácio subiu entre dois zagueiros para cabecear entre as pernas do goleiro Caíque. Vitória 0 x 1 Jacuipense.

Aos 11 minutos, quase a Jacuipense faz o segundo. O pequenino Daniel Alves cabeceou dentro da grande área, mas a bola passou à esquerda do gol Rubro-negro. O meio-campo do Vitória não funcionava, predominando o melhor jogo do time de Riachão de Jacuípe.

O Vitória teve duas chances de empatar o jogo em cobranças de falta. A primeira passou a esquerda do goleiro e em outra cobrança, a bola bateu na barreira. A partir dos 30 minutos, o jogo caiu de qualidade, com a Jacuipense tentando aproveitar o contra-ataque e o Leão perdido em campo, jogando de forma desorganizada.

Aos 35 minutos, o árbitro Reinaldo Silva assinalou pênalti do Lídio em Nickson. O meia tentou dar um drible da vaca e foi derrubado dentro da área. Um minuto depois, o mesmo Nickson cobrou sem chances para o goleiro Marcelo. Vitória 1 x 1 Jacuipense.

O último lance do primeiro tempo foi da Jacuipense. Falta próxima a entrada da grande área, o veterano Welington, ex-Vitória, cobrou, mas a bola bateu na barreira. Ainda nos vestiários, Marcelo Chamusca tirou o apagado Eron para entrada de Léo Ceará. Aos seis minutos, Luan Ferreira arrancou na direita, se livrou de dois marcadores e cruzou rasteiro, com a bola passando por toda a pequena área, sem nenhum atacante para chegar no lance.

A Jacuipense continuava com a proposta de se defender e sair nos contra-ataques. O Vitória voltou melhor no 2º tempo, passando a rondar mais a área do Leão Grená. Aos 17 minutos, Chamusca tirou Nickson para entrada de Andrigo, na tentativa de dar mais qualidade na construção das jogadas.

O Vitória teve uma grande chance de desempatar. Léo Ceará arrancou da intermediária, o goleiro Marcelo saiu do gol, o atacante do Vitória se chocou com o goleiro e a bola foi isolada pela zaga. Aos 31 minutos, a Jacuipense tentou ir ao ataque com Mauri. A bola foi cruzada e Caíque conseguiu interceptar.

O treinador Marcelo Chamusca promoveu a última mudança, colocando Yago no lugar de Luan Ferreira. A Jacuipense levou novamente perigo para a defesa do Rubro-negro. Thiaguinho avançou pela esquerda, e entre dois zagueiros do Vitória, chutou de pé direito para uma defesa difícil de Caíque.

Aos 43, Andrigo limpou o lance, e chutou de longe. A bola deu uma descaída e passou perto do gol de Marcelo. O último lance antes do apito final do árbitro saiu dos pés de Andrigo em cobrança de falta. A bola foi alçada na área, mas a defesa da Jacuipense conseguiu isolar. Placar Final: Vitória 1 x 1 Jacuipense.

A renda no Barradão foi de R$ 17.177,00. O Leão volta a campo no próximo domingo (03), às 17 horas, no BA-VI pela Copa do Nordeste. Para o clássico, o treinador Marcelo Chamusca deve escalar força máxima.

Do Radar da Bahia
Vitória só empata com Jacuipense no Barradão Vitória só empata com Jacuipense no Barradão Reviewed by Portal NA on fevereiro 01, 2019 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.