Fotos: Shirley Stolze | Ag. A TARDE e Alberto Maraux | SSP-BA
As sedes da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares e seus Familiares (Aspra), localizadas em Salvador e no interior da Bahia, foram interditadas na manhã desta quarta-feira, 16. A ação foi feita por determinação da Justiça baiana e estes locais são alvos de uma operação deflagrada hoje, em apoio da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), através das polícias Civil e Militar, para cumprir mandados de busca e apreensão.

A decisão da Justiça é para atender ao pedido formulado pelo MP-BA, que apontou que a entidade tem realizado assembleias que incitam movimento paredista da classe dos policiais, o que afronta o artigo 142 da Constituição Federal, e como consequência, estaria causando riscos à segurança pública e à coletividade.

Além da interdição e dos mandados de busca e apreensão de documentos, computadores e dinheiro, também foi determinado o bloqueio das contas da entidade. Durante esta operação participam 20 promotores.

Salvador

Cerca de 80 agentes das polícias Civil e Militar participaram da operação na sede da capital baiana, localizada na rua Dr. Pedro Júlio Barbuda, no bairro da Saúde, que começou ainda na madrugada desta quarta-feira, por volta das 5h20. Na busca, 14 policiais militares foram conduzidos para a corregedoria da PM. Dez pessoas que estavam na Aspra no momento da busca foram ouvidas e liberadas logo em seguida.

Na sede foi encontrada, dentro do interior de um veículo, a quantia de R$ 5 mil e munições de quatro armas diferentes. De acordo com informações iniciais, o carro foi alugado pela Assembléia Legislativa e estaria sendo usado pelo deputado estadual e comandante da Aspra, Prisco. A polícia investiga a origem do dinheiro.

A reportagem apurou que em gavetas onde fica a administração do local foram encontrados mais de 300 chips celulares, além de uma quantia estimada entre R$3 mil a R$ 4 mil. Ao todo, são aproximadamente R$ 9 mil em espécie apreendidos na sede da capital baiana.

Além de Salvador, a operação também acontece em Alagoinhas, Barreiras, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Paulo Afonso, Porto Seguro, Santa Maria da Vitória, Santo Antônio de Jesus, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista.

Foto: Alberto Maraux | SSP-BA)
Do Atarde