Foto: leitor/Aratu On
A Aeronáutica começou a investigar, nesta sexta-feira (15/11), o acidente de avião que matou a jornalista Marcela Brandão Elias, de 37 anos, e deixou outras nove pessoas feridas. Investigadores do Segundo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa II) já estão em Maraú.

A Seripa II é um órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) que coleta dados a partir da análise de partes da aeronave, fotografias da cena, reunião de relatos de testemunhas e documentos. O Cenipa, por sua vez, vai apontar as causas do acidente.

Do Aratu On