Foto: Reprodução
Um menino de cinco anos ficou mais de uma hora com a cabeça presa em uma panela de pressão após uma brincadeira com o irmão em casa, no bairro Castelo Branco, em Cariacica, nesta terça-feira (7). O sufoco do pequeno Daniel só passou após o socorro do Corpo de Bombeiros, que precisou usar um equipamento especial para cortar a panela. Informação do G1

A mãe de Daniel, Jaqueline Rocha Castro, contou que bastou uma momento de descuido para tudo acontecer: ela estava tomando banho quando o menino prendeu a cabeça.



Ele contou para a mãe que queria fingir que a panela era um capacete.


"Fui tomar banho e deixei eles brincando. Eles sempre tem costume de brincar com as panelas, e eu não vi que era a de pressão. Acabou que ele botou na cabeça e a panela não saía", contou.


A mãe pediu ajuda de vizinhos assim que viu a situação. A dona de casa Jéssica Correia Oliveira foi uma das que ajudou.

"Tentamos passar óleo e um pouco de detergente, pra ver se saía sem os bombeiros precisarem vir, mas não adiantou", contou.

Depois de 30 minutos de muito trabalho, os bombeiros conseguiram retirar a panela da cabeça de Daniel. Primeiro eles tentaram usar detergente, mas viram que não era possível. Então resolveram usar uma serrinha, mas a panela esquentou muito e o menino começou a chorar demais. Foi então que os bombeiros usaram um equipamento especial para cortar a panela.

A mãe explicou que agora a panela vai ficar guardada, a recordação de uma história que terminou bem, mas com uma lição para que isso não se repita nunca mais. "Agora vou esconder as panelas de pressão, deixar bem longe dos meninos", garantiu a mãe.

Panela precisou ser cortada com equipamento especial para sair da cabeça de Daniel.