Foto: Reprodução
A residência de Luiz Neto, o menino de 11 anos que passou por um momento de humilhação enquanto vendia trufas em uma pizzaria de Teresina, foi arrombada nesta quarta-feira (5). Os criminosos furtaram diversos produtos que haviam sido doados à família. O caso foi registrado no 9° Distrito Policial, na Zona Norte de Teresina.

Em entrevista ao G1, o pai de Luiz, Netanias Moreira, contou que foi buscar o filho no colégio e, em seguida, foi visitar o pai que se encontra internado no hospital do bairro Buenos Aires, Zona Norte da capital.

“Quando voltamos para casa, eu tentei abrir o portão, mas a chave não entrou e, em seguida, ele se abriu sozinho. A nossa residência tinha sinais de arrombamento e logo senti falta de vários pertences”, comentou.
De acordo com o boletim de ocorrência, foram subtraídos da casa o vídeo game, celular e roupas de Luiz Neto e de seus pais, além de R$ 1,6 mil, dinheiro referente ao seguro-desemprego de Netanias e das trufas vendidas pela família.


“O vídeo game foi comprado com o dinheiro que meu filho juntou, o celular foi um presente que ele ganhou de uma pessoa que se aproximou da gente depois do que aconteceu no restaurante e o restante foi de doações. As roupas e os sapatos foram doados por lojas”, explicou.