Foto: Reprodução
O governo japonês começou a fornecer o antiviral Remdesivir para que instituições médicas utilizem no tratamento de pacientes com o novo coronavírus. A informação foi confirmada pelo ministro da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão, Kato Katsunobu, nesta terça-feira (12/5).

O medicamento foi desenvolvido originalmente para combater o ebola, mas não obteve sucesso. Seu uso foi autorizado pelo Japão para o tratamento de pacientes com a Covid-19 após a aprovação ser acelerada na semana passada. A droga foi aprovada para uso emergencial também nos Estados Unidos.

O Ministério da Saúde do Japão planeja administrar o antiviral somente em pacientes com sintomas graves. Segundo Kato, as autoridades vão checar dados disponíveis online sobre pacientes elegíveis em hospitais para que os suprimentos cheguem adequadamente aos que necessitam do medicamento.

*Aratu On