Foto: Reprodução
A Justiça mandou a Caixa Econômica Federal pagar o auxílio emergencial dos brasileiros em até cinco dias, a partir da conclusão da análise dos dados feita pelo Dataprev. Esse pagamento deve ser feito na conta indicada pelo solicitante, o que pode diminuir as filas das agências da rede.

A decisão, em caráter liminar, foi concedida a partir de um pedido conjunto feito pelo Ministério Público Federal (MPF), o Ministério Público do estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) e a Defensoria Pública da União (DPU), segundo divulgado nesta sexta-feira (8/5) pelo Portal Uol.

Os órgãos também pediram mais rapidez na análise de dados do Cadastro Único (CadÚnico) e  das famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

*Aratu On