Durante a pandemia de Covid-19, o número de feminicídios foi na contramão de outros tipos de crimes e cresceu em maio de 2020, em relação ao mesmo período de 2019.

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública, entre os dias 1 e 31 de maio, 15 mulheres foram assassinadas, contra 6 do mesmo período de 2019, um crescimento de 150%. 

Três dos casos foram em Salvador, as vítimas tinham entre 21 e 27 anos, todos eles foram causados por homens que não aceitavam o fim de um relacionamento.

metro1