Foto: Reprodução
A família de Arlete Santos dos Reis finalmente enterrou o corpo dela nesta sexta-feira (5/6), quatro dias após a morte, na última segunda (1/6). A cerimônia foi realizada no Cemitério do Campo Santo e, por conta da pandemia do coronavírus, contou apenas com os parentes mais próximos.

A empregada doméstica de 44 anos tinha sido internada com suspeita de coronavírus numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e foi posteriormente transferida ao Hospital Espanhol, onde faleceu. O corpo dela, entretanto, foi confudido e entrerrado por outra família em Lauro de Freitas. 

Após a Justiça liberar a exumação do cadáver, foi constatado, por meio de um exame feito no Instituto Médico Legal de Salvador (IML), que se tratava de Arlete e ela foi novamente enterrada.