Foto: Chayenne Guerreiro / Bahia.ba

O debate do uso da cloroquina e hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com a Covid-19 continua intenso. Nesta quinta-feira (25), o Hospital Israelita Albert Einstei, em São Paulo, comunicou que “não recomenda” que os médicos tratem pacientes da instituição com o uso desses remédios.

Em sua conta no Twitter, o secretário estadual de saúde, Fábio Vila-Boas, comentou a notícia. “Em toda emergência de saúde pública, nossas ações devem ser orientadas pela ciência e nossas decisões devem evoluir à medida que aprendemos mais. Hoje está claro não haver benefício clínico do uso da cloroquina ou hidroxicloroquina no combate à Covid-19”, escreveu.

Em seguida, o secretário completou dizendo que a Secretaria Estadual de Saúde “sempre manteve um rígido protocolo de dispensação controlada, apenas para pacientes internados, mediante prescrição médica”.

Do Bahia.ba