A Prefeitura divulgou, através da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU), o boletim diário com informações sobre a situação epidemiológica do novo coronavírus em Alagoinhas. Nesta terça-feira (11), mais 135 pessoas evoluíram para alta, após infecção por COVID-19 e sobe, portanto, para 2.616 o número de recuperados. Isso significa que mais de 87% de todos os pacientes diagnosticados com COVID-19, no município, tiveram a recuperação constatada.

O número de recuperados é superior ao quantitativo de pacientes que testaram positivo para a doença, no mesmo dia. A Vigilância informou que 56 mulheres, com idade entre 4 e 87 anos, e 45 homens, na faixa dos 8 aos 65 anos, tiveram, hoje, o diagnóstico confirmado para coronavírus. Todos eles seguem monitorados pelas equipes de saúde, que cumprem integralmente os protocolos estabelecidos.

Os dados mostram ainda que Alagoinhas registra, neste momento, 333 casos ativos da COVID-19, que representam aproximadamente 11% dos positivados, no somatório entre todos os diagnósticos confirmados, subtraídos os óbitos e recuperações. Essas pessoas devem permanecer em isolamento, porque ainda podem transmitir o vírus.

A SESAU informou também que, entre os confirmados para COVID-19, 15 pacientes seguem internados: 3 no Hospital das Clínicas de Alagoinhas (HCA), 1 no Hospital do Subúrbio, 1 no Hospital de Campanha da Fonte Nova, 2 no Hospital Espanhol, 1 no Aliança, 1 no Hospital Salvador, 1 no Hospital de Campanha da Paralela, 2 no Hospital Regional Dantas Bião e 3 no Instituto Couto Maia. Outras 73 pessoas aguardam resultados do Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN), para onde são encaminhadas as amostras.

No que se refere aos casos descartados para coronavírus, o município chega a 5.235 moradores que testaram negativo para COVID-19, mais 2.104 que foram excluídos do monitoramento por critério de investigação clínico-epidemiológica. No total, 365 pessoas seguem monitoradas pela Vigilância.

A Secretaria Municipal de Saúde (SESAU) ampliou a realização de testagens diagnósticas para COVID-19 e reforça que medidas estratégicas vêm sendo implementadas com foco em interromper a cadeia de transmissão da doença na cidade. A crescente no número de casos, tanto confirmados quanto descartados, segundo a SESAU, é resultado do aumento do número de testagens, com ações realizadas nos bairros da zona urbana e da zona rural para identificar os casos positivos, mapear o avanço da COVID-19 e fortalecer as ações de enfrentamento à pandemia.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde – Vigilância Epidemiológica
Atualização: 11-08-2020

Central de Atendimento COVID-19 Alagoinhas
(75) 99824-0789
(75) 99811-4772
(75) 99707-7942

Confira os dados atualizados nesta terça-feira (11):